NOSSO BLOG

Confira abaixo as últimas notícias, eventos ou palestras..

13 de junho de 2019 CATEGORIA: INFORMATIVOS

Todos os anos, o Brasil produz quase 37 milhões de toneladas de lixo orgânico. Se você reaproveitado da maneira correta, o lixo orgânico poderia virar adubo, gás combustível e até mesmo energia. Porém, apenas 1% do que é descartado é reaproveitado.

Como o lixo orgânico não é tratado, ele vai parar nos aterros sanitários e a decomposição desse material gera gás metano, um dos principais causadores do efeito estufa.

Produzir uma composteira é uma ótima opção para quem quer dar um melhor fim para o lixo orgânico e, consequentemente, contribuir para o meio ambiente. Mas para obter sucesso com esse procedimento é necessário seguir algumas etapas. Saiba mais a seguir:

O que é compostagem?
A compostagem é uma forma de reciclar o lixo orgânico e transformá-lo em adubo natural, que pode ser usado na agricultura, em jardins e plantas, substituindo o uso de fertilizantes químicos, que podem fazer mal para o planeta e para nossa saúde.

Trata-se de um processo biológico em que os micro-organismos, como fungos e bactérias, fazem a degradação da matéria orgânica, transformando-a em húmus, um material rico em nutrientes e fértil.

Essa técnica é uma forma de resgatar os nutrientes dos resíduos orgânicos e levá-los de volta ao ciclo natural, fortalecendo o solo para agricultura ou jardinagem. Além disso, é uma maneira de reduzir a quantidade de lixo produzido pela sociedade, reaproveitando corretamente os resíduos que se juntariam nos lixões e aterros causando mau-cheiro, a liberação de gás metano e chorume (líquido que contamina o solo e as águas).

Como realizar esse processo em casa?
Ter uma composteira em casa é mais fácil do que se imagina. Você pode comprar a composteira pronta e aproveitar o espaço do quintal ou na varanda do apartamento, depois é só seguir os seguintes passos:

Empilhe três caixas plásticas do mesmo tamanho;
Faça pequenos furos no fundo e na lateral das duas caixas de cima, para gerar ventilação;
Na caixa que estiver na parte superior, coloque terra com minhocas vermelhas (também conhecidas como californianas). Separe ainda materiais orgânicos secos, como folhas ou serragem;
Abra a tampa da caixa de cima e coloque o resíduo orgânico que separou, apenas no canto da caixa. Coloque o material orgânico seco e cubra os resíduos, para afastar a presença de insetos. Faça isso até encher a caixa.
Dicas para uma compostagem perfeita
Muitas pessoas se recusam a fazer compostagem por acreditar que ela causa um cheiro ruim. Mas a verdade é que, se feita de maneira correta, isso não irá acontecer.

Ainda, os depósitos de lixo orgânico devem ser feitos diariamente, já a coleta do adubo orgânico deve ser realizada em média a cada 3 meses.

Na hora de escolher o que colocar na composteira é necessário tomar cuidado, pois, alguns materiais afetam a degradação da matéria orgânica e prejudicam o desenvolvimento do adubo. Confira o que você pode ou não colocar na composteira:

O que pode ser usado:
Frutas;
Legumes;
Cascas de ovos;
Sachê de chá sem etiqueta e erva de chimarrão;
Verduras;
Borra e filtro de café;
Grão e sementes.
Pode usar com moderação:
Frutas cítricas;
Flores e ervas medicinais ou aromáticas;
Alimentos cozidos;
Guardanapos e papel toalha;
Laticínios;
Não pode usar:
Carnes;
Arroz;
Líquidos (iogurtes, leite, caldos de sopa, feijão, etc);
Trigo;
Temperos fortes (pimenta, alho, cebola);
Papéis (papel higiênico, jornais e papelões em geral);
Nozes pretas;
Limão;
Óleos e gorduras;
Fezes de animais domésticos.
Temos certeza de que agora ficou muito mais fácil fazer compostagem em casa, certo? Se nosso artigo foi útil para você, aproveite para compartilhar com seus amigos através das redes sociais!

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS: