NOSSO BLOG

Confira abaixo as últimas notícias, eventos ou palestras..

09 de abril de 2019 CATEGORIA: INFORMATIVOS

Ajudar o meio ambiente é muito fácil se cada um fizer a sua parte. Em uma sociedade em que a comercialização está cada vez maior, praticar os 5 Rs da sustentabilidade (repensar, reduzir, reutilizar, reciclar e recusar) é uma maneira simples e eficiente de colaborar com um mundo melhor.

A proposta dos cinco 5s é gerar uma mudança de costumes no dia a dia dos cidadãos, fazendo com que eles repensem seus valores e práticas, reduzindo o consumo exagerado e o desperdício.

Vamos falar mais sobre sustentabilidade e os 5 Rs? Confira, a seguir, maiores informações sobre esse tema!

O que é sustentabilidade?


Sustentabilidade vem do termo "sustentável", que, por sua vez, deriva do latim sustentare = sustentar, defender, favorecer, apoiar, conservar ou cuidar.

Esse termo teve origem em Estocolmo, na Suécia, durante a Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente Humano em 1972. Essa foi a primeira conferência sobre meio ambiente realizada pela ONU, e chamou atenção internacional principalmente para as questões relacionadas à degradação ambiental e à poluição.

Já em 1992, na Conferência sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (Eco-92), aconteceu no Rio de Janeiro, foi consolidado o conceito de desenvolvimento sustentável; que tem como objetivo a preservação do ambiente e atendimento das necessidades humanas. Isso quer dizer que um recurso natural explorado de modo sustentável durará para sempre e com condições de também ser explorado por gerações futuras.

Mas para que a sustentabilidade de faço aconteça, é necessário que três conceitos andem juntos: o social, o ambiental e o econômico, que juntos formam o tripé da sustentabilidade.

Social: Envolve as pessoas e seus estilos de vida, como educação, saúde, violência, lazer, dentre outros aspectos.
Ambiental: Refere-se aos recursos naturais do planeta e a maneira que são consumidos pela sociedade, comunidade e empresas.
Econômico: Trata-se da produção, distribuição e consumo de bens e serviços. A economia deve considerar a questão social e ambiental.

Os 5 Rs da sustentabilidade

 

[imagem 1]

Repensar

o consumismo é uma das principais causas para a degradação do meio ambiente. Em razão disso, é muito importante repensar sobre nossos hábitos de consumo. Assim, antes de comprar alguma coisa, que tal pensar se você realmente precisa dela ou se já possui algo parecido e que pode ser usado no lugar? Avalie também todo o ciclo de vida do produto, desde a produção até o descarte, e não o compre sem considerar os possíveis impactos socioambientais no planeta.

 

[imagem 2]

Recusar

Para colaborar com um mundo mais limpo e sustentável, podemos e devemos recusar produtos que prejudicam o meio ambiente e que podem ser substituídos por versões recicláveis ou reutilizáveis. Optar pelo uso de ecobags no lugar de sacolinhas plásticas de mercado e ter preferência por embalagens biodegradáveis são alguns exemplos que podem ser facilmente inclusos na rotina.

 

[imagem 3]

Reduzir

Aqui o propósito é fazer com que o consumo de energia e a quantidade de lixo produzida seja a menor possível. Para isso, o ideal é consumir menos produtos e escolher aqueles de maior durabilidade. Evite usar pratos e copos descartáveis, compre refis dos produtos, prefira embalagens retornáveis, lâmpadas de LED e pilhas recarregáveis.

 

[imagem 4]

Reutilizar

Ao reutilizar um produto, você aumenta a vida útil daquele item e reduz a produção de lixo. Basta algumas embalagens, jornais velhos, resíduos de metal ou plástico e um pouco de criatividade, para desenvolver produtos artesanais ou peças de decoração. Roupas, móveis e brinquedos que não são mais usados, por sua vez, podem ser doados ou vendidos.

 

[imagem 5]

Reciclar

Caso o produto não possa ser reutilizado, o ideal é a reciclagem. Além de aumentar a vida útil dos aterros sanitários e não poluir o meio ambiente, a reciclagem reduz a exploração dos recursos naturais usados como matéria-prima do processo produtivo comum. Isso provoca também uma contenção no consumo de água e energia, e ainda gera emprego.

Gostou do nosso artigo? Aproveite e compartilhe com seus amigos nas redes sociais. Ahh! Curta também nossa página no Facebook para conferir informações e novidades em primeira mão.

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS: